AGENDAMENTO ONLINE

Quando o Transplante de Córnea é indicado?

  • quando o transplante de córnea é indicado

O transplante de córnea é um processo cirúrgico que consiste na substituição da córnea doente por uma saudável. Dessa maneira, o paciente pode ter uma melhora na visão, ou, ainda corrigir problemas oculares.

A córnea é uma película fina e transparente, localizada na frente do olho com o objetivo de protegê-lo e, também, atua como uma lente de refração dos raios de luz, enviando a imagem para a retina.

Quando a córnea sofre alguma alteração, como um arranhão, acaba prejudicando a visão como um todo.

Quando o transplante de córnea é indicado?

O transplante de córnea é indicado quando os tratamentos convencionais para uma patologia relacionada com a córnea não tiveram resultado. Entre as doenças onde o transplante de córnea é indicado estão:

  • Ceratocone: o ceratocone é uma doença que torna a córnea curva e provoca visão retorcida.
  • Distrofias corneanas: As distrofias da córnea são de origem genética e, no geral, se estabelecem progressivamente. Caracterizam-se por reduzirem a transparência da córnea, prejudicando a visão.
  • Leucomas: Opacificação da córnea através de queimaduras, traumatismos, entre outros.
  • Infecções corneanas graves;
  • Lesões ou perfurações oculares:

Como é feito o transplante de córnea?

O transplante de córnea é feito com anestesia geral ou local. Normalmente, esse procedimento dura uma hora e o paciente não precisa ser internado.

O procedimento é realizado com o auxílio de um microscópio cirúrgico. Esse equipamento possui uma lâmina do tipo circular que efetua um corte com o objetivo de retirar a parte central da córnea que está doente.

Em seguida, é colocada a córnea saudável. Ela é totalmente adaptada, de modo a caber perfeitamente no espaço ocular.

Basicamente, existem vários tipos de transplante de córnea, sendo que os três principais são:

Ceratoplastia Penetrante

É o procedimento mais comum e envolve a troca completa da córnea.

Transplante Lamelar

Nesse caso, apenas uma das camadas da córnea é substituída, a externa ou a interna. Esse procedimento é indicado quando a troca completa não é a mais indicada.

Ceratoplastia Endotelial

Essa é uma cirurgia que faz a troca da camada mais profunda da córnea. Esse procedimento é mais indicado quando as camadas posteriores a córnea foram afetadas.

Com ele, é possível fazer a remoção e troca, mas sem comprometer outras camadas.

Tempo de recuperação e Pós-operatório do transplante de córnea

O tempo de recuperação depende de cada caso. Geralmente a dor desaparece depois de alguns dias, sendo aliviada através do uso de analgésicos comuns.

Durante o pós-operatório, o paciente deve evitar inclinar a cabeça para baixo, necessita de repouso e de tomar a medicação de acordo com os horários prescritos pelo cirurgião. Também é importante estar atento aos horários de higienizar o curativo.

Em todo o período de recuperação o paciente deve evitar coçar e esfregar os olhos.

Durante o pós-operatório, é necessário fazer uso de colírios de corticoide e antibióticos. Assim, evita-se qualquer rejeição ou infecção do transplante de córnea.  Em casos de qualquer alteração além do que o cirurgião informou que poderia acontecer, é necessário entrar em contato imediatamente.

Com os passar dos dias, a visão irá voltar gradualmente. Alguns pacientes a recobram em algumas semanas.

 

2019-05-22T14:35:38-03:00maio 2019|Categoria: Córnea|Tags: , |

Fique por dentro!

Cadastre-se em nosso Blog e receba dicas e informações sobre prevenção e tratamento de doenças relacionadas à visão.
CADASTRAR
Não praticamos spam e você poderá se descadastrar a qualquer momento.
close-link